phone 

Cúria Diocesana

91 3425-1108

 

Fiéis participam da 1ª Romaria da Arquidiocese de Belo Horizonte pela Ecologia Integral

1ª Romaria da Arquidiocese de Belo Horizonte pela Ecologia Integral aconteceu no último sábado, 25 de janeiro. 1ª Romaria da Arquidiocese de Belo Horizonte pela Ecologia Integral aconteceu no último sábado, 25 de janeiro. Fonte da imagem: https://www.cnbb.org.br/wp-content/uploads/sites/32/2020/01/DomVicenteBrumadinho-1200x762_c.jpeg

Nem mesmo a chuva foi capaz de desanimar os fiéis da Arquidiocese de Belo Horizonte e de comunidades de fé das várias regiões do país, que participaram neste sábado, 25 de janeiro, da Primeira Romaria da Arquidiocese de Belo Horizonte pela Ecologia Integral a Brumadinho.

Logo no inicio da manhã, os romeiros se uniram aos familiares das 272 vītimas e dos 11 desaparecidos do rompimento da barragem de rejeitos de minério em momento de partilha e oração. Em seguida, conduzidos pelo bispo auxiliar dom Vicente Ferreira, seguiram em caminhada.

O bispo auxiliar de Belo Horizonte (MG) e membro da Comissão Especial para a Ecologia Integral e Mineração da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom Vicente Pereiraa firmou que as ações em defesa de uma Ecologia Integral devem ser contínuas e fazer parte do compromisso de todo cristão. “Jesus disse: eu vim para que todos tenham vida e a vida humana não deve ser desassociada do cuidado com a natureza”. O bispo destacou a mensagem enviada pelo Papa Francisco ao povo de Brumadinho, deixando claro que não se trata de um problema local, mas que diz respeito à toda humanidade.

Momento em homagem às 272 vítimas. Fotos: Arquidiocese de Belo Horizonte e padre Dário Giulliano

Em silêncio, os fiéis retornaram ao letreiro que fica entrada da cidade e se encontraram com familiares das vitimas em um momento de grande emoção, em que foram lidos todos os nomes das pessoas que perderam a vida nessa tragédia.

Os profissionais que ainda trabalham na localização dos corpos, foram homenageados . Às 12h28, na mesma hora em que a barragem se rompeu, há um ano, centenas de balões vermelhos e brancos coloriram o céu de Brumadinho.

Integrantes de comunidades indígenas afetadas pela lama da barragem, que até hoje polui o Rio Paraopeba, se uniram em momento de espiritualidade, às 15h.

O arcebispo de Belo Horizonte (MG) e presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom Walmor Oliveira de Azevedo levou seu apoio às famílias das vítimas, participando junto com o povo de Brumadinho da Missa presidida, no fim da tarde, pelo bispo auxiliar para a Região Episcopal Nossa Senhora do Rosário (Renser), dom Vicente Ferreira.

O bispo de Caxias (MA) e presidente da Comissão Especial para Ecologia Integral e Mineração da CNBB, dom Sebastião Lima Duarte, também participou da Romaria e concelebrou a missa.

Na oração após a comunhão, dom Walmor falou da importância de estar concluindo esta primeira Romaria pela Ecologia Integral no Centro de Formação da diocese. “Aqui é um lugar-escola, escola do Evangelho, de escuta e aprendizagem sobre a Ecologia Integral”, disse.  Para o presidente da CNBB, falar da Ecologia Integral não é tão difícil. O desafio, segundo ele, é viver algo que exige  conversão de todos nós e do nosso modo de vida.

Dom Walmor na missa em memória das vítimas de Brumadinho. Foto: Comunicação Arquidiocese de Belo Horizonte.

Dom Walmor lembrou uma frase que ecoou no dia em que se celebra 1 ano de Brumadinho e a memória da conversão de São Paulo, as palavras proferidas por Jesus: “Ide ao mundo inteiro e pregai o Evangelho a toda a criatura”. É por isto que estamos aqui, disse o arcebispo, pelo compromisso de pregar o evangelho. “A nossa maior e mais honrosa tarefa é pregar o Evangelho, não apenas com palavras mas com força profética”, afirmou.

A “tragédia-crime” de Brumadinho, segundo Walmor, desafia a todos profundamente. “Desafia a aprendizagem de quem exerce o poder a uma nova compreensão e a ter coragem de propor ações que possam transformar a realidade”.

O presidente da CNBB agradeceu aos representantes do Ministério Público Federal, presentes à romaria, apontando a necessidade de que as instituições se renovem, incluindo a Igreja, “com uma nova clarividência para termos coragem de não apenas dizer que é precisar mudar mas encontrar os caminhos necessários”.

O religioso destacou os esforços que a CNBB está realizando com a criação da Comissão Especial para a Ecologia Integral e Mineração e lembrou que é um trabalho que não pode ser paliativo e que exigirá ações de longo prazo. Apos pedir silêncio em homenagem às vítimas, 272 mortos e 11 desaparecidos, dom Walmor lamentou que após um ano do acidente ainda não se tenha feito tudo que precisa ser feito. Para os que pecam, dom Walmor afirmou ser necessário o perdão, mas para quem cometeu o crime ele disse ser necessário a pena.

Após a fala de dom Walmor, foi exibido o vídeo com a oração do Papa Francisco, enviado especialmente aos participantes da Romaria e aos familiares das vítimas da tragédia.

O que é Ecologia Integral?

O termo ‘ecologia integral’ não define apenas ecologia com meio-ambiente, florestas e temas óbvios associados a ela. Mas as consequências do modelo econômico que levaram o planeta ao estágio de degradação social e ambiental da atualidade.

O conceito de ecologia integral tem sido muito citado na atualidade e é nos proposto pelo Papa Francisco em sua Encíclica “Laudato Si – Louvado Seja – sobre o cuidado com a Nossa Casa Comum, a irmã e Mãe Terra”. Na encíclica, o Papa propõe uma reflexão sobre a relação profunda existente entre todas as criaturas do nosso planeta.

“Proponho que nos detenhamos agora a refletir sobre os diferentes elementos duma ecologia integral, que inclua claramente as dimensões humanas e sociais”. (Laudato Si, 137)

Papa Francisco ressalta que ‘tudo está interligado’: a natureza e a sociedade que a habita. O Pontífice define o termo ecologia com um significado mais profundo de meio ambiente, verde, e desenvolve o termo “ecologia integral”, dando um sentido mais amplo compreendendo as dimensões humanas e sociais.

A ecologia integral nos propõe uma nova maneira de entender a relação entre todas as criaturas do nosso planeta na dimensão ambiental, econômico, social, cultural e vida quotidiana.

Com informações e fotos da Arquidiocese de Belo Horizonte (MG).

Tirado do site da CNBB

Lido 41 vezes

Liturgia

Clique e leia a liturgia diária

Calendário

Calendário de pastoral da Diocese

Sobre a Diocese

EVANGELIZAR, a partir de Jesus Cristo e na força do Espírito Santo, como igreja discípula, missionária e profética, alimentada pela Eucaristia e orientada pela animação bíblica, promovendo a catequese de inspiração catecumenal, a setorização e a juventude, à luz da evangélica opção preferencial pelos pobres, para que todos tenham vida (cf. Jo 10,10), rumo ao reino definitivo.

Boletim de Notícias

Deixe seu e-mail para ser avisado de novas publicações no site da Diocese de Bragança: