phone 

Cúria Diocesana

91 3425-1108

 

Dia Nacional de Luta dos Catadores de Materiais Recicláveis: o sustento vem do suor e da determinação

Estimativa é que existam cerca de 800 mil catadores/catadoras em atividade no país. Estimativa é que existam cerca de 800 mil catadores/catadoras em atividade no país. Fonte da imagem: Reprodução

São 19 anos de luta para melhorar condições de vida e garantir o reconhecimento e respeito que a categoria merece

Foi no dia 7 de junho de 2001, em Brasília, que catadores de materiais recicláveis tomaram as ruas da capital do país, durante o I Congresso da categoria, quando também foi criado o Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis (MNCR), para reivindicar seus direitos perante a nação.

A luta não foi em vão, e 19 anos depois, hoje é comemorado mais um Dia Nacional de Luta dos Catadores de Materiais Recicláveis. Os objetivos desses trabalhadores naquele dia 7 era lutar e organizar a categoria, para melhorar condições de vida, o reconhecimento, a valorização dos catadores de materiais recicláveis e a defesa do meio ambiente.

De acordo com o portal do MNCR, com dados de 2019, a estimativa é que existam cerca de 800 mil catadores/catadoras em atividade no país, sendo a maior parte dos catadores são do gênero feminino, cerca de 70% da categoria. Além disso, que os catadores são responsáveis pela coleta de 90% de tudo que é reciclado hoje no Brasil.

.

Catadores de materiais recicláveis durante mobilização em 2001 Foto: Divulgação MNCR

De acordo com o Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis (MNCR), a categoria é historicamente excluída da sociedade, e muitos catadores ainda sobrevivem de forma precária em lixões e nas ruas. Além disso, que desde o surgimento do MNCR a luta dos catadores por dignidade ganhou mais força.

“O trabalho de coleta de materiais recicláveis significa garantir alimentação, moradia e condições mínimas de sobrevivência para uma parcela significativa da população brasileira, que vive a margem da sociedade de consumo. Um povo que apesar das dificuldades, que são imensas, resistem e lutam dia a dia pela vida”, destaca o movimento.

 
----------
 
Hoje pela manhã, nesse Dia Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis, recebemos essa mensagem de uma catadora de Bragança, por meio da Graça Ramos, nossa agente da Cáritas da Diocese de Bragança; que há anos luta junto dos Catadores e Catadoras de Bragança. Graça nos recordava de nossa proposta, feita com base na mensagem do Papa Francisco para o Dia Mundial das Comunicações Sociais 2020, de mostrarmos nos nossos meios de comunicação as "histórias que foram perfumadas de Evangelho".
 
Pois bem, segue o recorte da mensagem:
 
Print da mensagem enviada via Whatsapp/ Imagem: Graça Ramos 
 
Em dias tão difíceis e pessoas com tão pouco, um trabalho tão duro, mas com muita esperança de dias melhores. Mesmo nesse momento delicado, os catadores da coleta seletiva de nossa cidade de Bragança, estão coletando em carrocinhas. Mesmo com tantas adversidades, mesmo assim não é incomum vê-los chegar às casas com sorriso no rosto.
Nossa homenagem e agradecimento a todas as Catadoras e Catadores nesse Dia Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis.
Lido 102 vezes

Liturgia

Clique e leia a liturgia diária

Calendário

Calendário de pastoral da Diocese

Sobre a Diocese

EVANGELIZAR, a partir de Jesus Cristo e na força do Espírito Santo, como igreja discípula, missionária e profética, alimentada pela Eucaristia e orientada pela animação bíblica, promovendo a catequese de inspiração catecumenal, a setorização e a juventude, à luz da evangélica opção preferencial pelos pobres, para que todos tenham vida (cf. Jo 10,10), rumo ao reino definitivo.

Boletim de Notícias

Deixe seu e-mail para ser avisado de novas publicações no site da Diocese de Bragança: